Arquivo

Arquivo por Autor

Nomad Rocks – Caos paleolítico superior

user-bigOs nómadas são exactamente o oposto da sociedade actual, que é sedentária, e assim andavam muito de um lado para o outro, ganhando uma enorme força nas pernas, mas também possivelmente muitas varizes, que não podiam tratar porque não havia médicos especializados.

Os nómadas deste jogo têm ainda uma particularidade, que é um avançado sentido do divino, e graças a isso, passam o jogo em busca da sua Deusa mãe, o que faz todo o sentido, já que também os primitivos povos lusitanos veneraram Ataegina. O jogo demonstra assim uma ligação extraordinária com a história, e podemos mesmo dizer que se arranjássemos uma máquina do tempo e aterrássemos naquele período, tudo aconteceria exactamente como no jogo (mais dinossauro, menos dinossauro).

O jogo está muito giro e intuitivo, e ao contrário de muitos outros jogos, ensina realmente coisas úteis, por exemplo se houver um rift no space-time continuum, e formos parar ao passado, saberemos exactamente como agir para sobreviver no meio do caos do paleolítico superior. Só por aí é mais do que se pode dizer de aproximadamente 90% dos programas que passam na televisão portuguesa, mas que não podemos referir pois não temos dinheiro para pagar os processos judiciais.

Cosmonaut – MacGyver no espaço

steamworkshop_collection_334842893_collection_branding

Desde os gloriosos tempos do saudoso camarada cosmonauta Yuri Gagarin, que o sonho de milhões de pessoas é seguir os seus passos, como caminhante do cosmos. Na realidade o primeiro a sair da sua cápsula no espaço, foi o camarada cosmonauta Alexei Leonov, e felizmente para ele não houve o problema de se rebentar algum cabo e ficar perdido no cosmos infinito, sem a possíbilidade de calcular o ponto Lagrange que lhe permitiria ficar quietinho entre a Terra e a Lua, e observar maravilhado a vastidão incumensurável que o rodeava…

Mas neste jogo, não foi bem isso que aconteceu… o Cosmonauta viu-se perdido no espaço, e isso fez sair o MacGyver que existia dentro dele. O espaço é letal e traiçoeiro, um pequeno parafuso pode causar a morte, ou ser a salvação do Cosmonauta.

O jogo está realmente muito bom, e consegue misturar o Gravity, com o Space Oddity, o MacGyver e ainda levar um ligeiro toque de heroismo soviético. O jogo é um must para os Oculus Rift, dando uma sensação de imersão no vasto cosmos.

Completamente obrigatório para todos aqueles que sonharam um dia caminhar no cosmos, com a vantagem da segurança do lar!

 

 

Educational Games – Ò Burro!

banner_wordsAristóteles disse um dia: “As raízes da educação são amargas, mas o seu fruto é doce.”

Neste momento isso já não acontece! A raíz da educação pode ser tão doce quanto o seu fruto, graças em grande parte à app desenvolvida pela equipa da Science4You! De uma forma divertida podemos aprender a escrever as letras, e para quem está um pouco enferrujado na escrita, é a app ideal. Garantimos que dentro de pouco tempo estará a escrever palavras complicadissimas como “ornitorrincolaringologista” ou “salmão fumado” como um catedrático da educação!

No decorrer do jogo podemos decobrir letras, preencher letras, encontrar pares de letras, etc., sob a forma de pequenos joguinhos que irão entreter e ensinar!

No entanto o jogo tem um senão! Quem o usar ficará automaticamente excluído de participar em reality shows, devido ao aumento de neurotransmissores no cérebro. Um pequeno preço a pagar para um enorme ganho futuro.

Para concluir… é um jogo muito giro e que vale a pena ter instalado no smarthphone 🙂

Soul Rush – O Demo com estilo

1924922_351587908316125_458056871_n

Há uns tempos atrás, ia freneticamente na minha APE50 quando infelizmente morri, por motivos que se deviam à minha inépcia a conduzir aparelhos de 3 rodas. Como para além do mais não tinha ajudado uma velha a atravessar na passadeira, tive caminho directo para o inferno, o que até foi bom, pois tinha lá todos os meus parceiros rudes que comem sardinhas cruas.

Chegado ao inferno, aquilo não era nada como eu pensava, até era fixe. Deram-me um motão de duas rodas, e descobri que é muito mais fixe do que uma de 3 rodas. Para além disso deram-me uma missão… comer alminhas puras e singelas, muahahahahaah. Morram de novo f****!!

Peguei no meu cavalo de ferro, liguei o rádio, mudei do Emanuel para Steppenwolf e comecei o meu serviço, saltando plataforma atrás de plataforma, agarrando-me a cordas para conseguir superar obstáculos, e sempre com os bondosos anjos a atrasar a minha missão, e a estragar a adrenalina de captar almas. Pelo caminho ainda bebi umas cervejas com a malta cadavérica que se junta na tasca infernal às quintas feiras. Yeahhh!!

Aparentemente houve alguém que viu o que eu fiz nos confins dos infernos, e deu-se ao trabalho de criar um jogo em minha homenagem. Podiam meter mais gaijas e cerveija, mas até está fixe!

Sunny Rush – O jogo de cuidado solar

LOGO_Sunny_rush

Há uns tempos atrás lembrei-me de ir tomar banho ao ártico, e para tornar a viagem mística, vim a cavalgar um Narval até Portugal. Quando cá chegámos, tornei-me bondoso e devolvi-o à liberdade, pensando que ele iria regressar ao local gelado onde se avistam auroras boreais, mas o unicórnio dos mares preferiu ficar para os lados da Nazaré a ver o McNamara e a caçar peixinhos, estrelas do mar e pernas-de-pau.

A LampWave Studio deve ter visto a minha epopeia, pois criaram um jogo que representa na perfeição a vida actual do Narval, a caçar pelos labirintos de areia, e a desviar-se dos maléficos caranguejos que lhe desejam mal. É de notar ainda o extremo cuidado que tiveram ao colocar um termómetro, pois como todos sabem, os narvais cá em Portugal não podem apanhar muito sol.

Fiquei muito feliz com este jogo, pois o PacMan é um dos jogos da minha infância, e eles fizeram um ReVamp metendo não uma baleia, mas sim uma baleia unicornia (awesome!), e para além disso, não preciso ir à praia para ver o meu amigo Narval a brincar, posso simular que sou ele e caçar no conforto do meu lar! Cinco estrelas (do mar)!

04.GamePlay

Play Fátima – A mensagem do Senhor

1fbc33a1e7ca359574e627ebc5ade08fO 4 segredo foi entregue e é, como seria de esperar, um videojogo português.

Eis as palavras  de Deus:

«Em 1917, uma equipa de pastores de elite guardava um rebanho de perigosas ovelhas mefistofelianas. Os seus nomes de código eram Jacinta, Francisco e Lúcia. Subitamente dá-se um evento que abalaria a estrutura do universo como o conhecemos… surge uma entidade exorável mas que requer constante devoção… Nossa Senhora, mãe de INRI.

A missão que delegou aos pastores foi uma apenas: “Terás de rezar a mim, e não deixarás fugir os bovídeos ruminantes”.

Assim foi dito, assim será executado ».

Cabe ao jogador encarnar na personagem da Pastora Lúcia e executar as ordens de Nossa Senhora. O jogo é muito divertido e com uma banda sonora que vai de Franz Schubert até cânticos liturgicos, e os gráficos representam o melhor que há no universo de 8 bits. Um jogo altamente viciante e superoriginal. Recomendado a Católicos, Ateus, Xamanistas, Budistas e Zoroastristas.

fatimaScreen

TAP – Árvore viciada em tintas

tapAlguma vez pensaram o que aconteceu à Yggdrasil nórdica nos tempos modernos?! O estúdio Immersive Douro foi investigar e descobriu uma árvore viciada em tintas! Sim que isto de ser uma divindade esquecida não é fácil para a mente de uma pessoa/árvore…

Yggdrasil não concorda com o sr. Ford, que disse “Podem ter o modelo T em qualquer cor, desde que seja preto” e daí resolveu aplicar cores magníficas nos veículos que passam. Mas aplicar no sentido inverso. É interessante também verificar que a componente ecológica não foi esquecida, havendo situações em que os carros são… caracóis (não os dos cabelos, mas sim os que comem couves).

Um jogo muito engraçado capaz de proporcionar horas de bom divertimento (então quando o nível é mais avançado, torna-se completamente viciante, devido à velocidade dos veículos que passam). Um jogo a ter em verdadeira conta!

%d bloggers like this: