Arquivo

Posts Tagged ‘tiros’

Greedy Guns – Tiros, misseis e lazeres à pázada

LOGO

Sedento por umas sessões de jogatana, de pura diversão, com o melhor amigo(a), ao abrigo de uma casota com a lareira acesa e a chuva e o vento a bater na porta como quem chama por mim?
Pois bem, casa com lareira não vos podemos oferecer, infelizmente, mas um videojogo carregado de acção e um modo cooperativo isso sim, já vos podemos providênciar.
Apresentamos o Greedy Guns! Como o próprio nome indica, níveis cheios de inimigos, lutas com “patrões” espetaculares e um modo cooperativo, já tinha referido?
Só falta mesmo ligaram ao vosso(a) amigo(a).
Anúncios

Pulsar Raider – A tua luta de cães espacial favorita

12019940_538323726317674_7904674049824335865_n

Apesar de estarmos no futuro, ainda não temos naves espaciais pessoais, isto é chato. Mais ainda neste futuro não temos aviões pessoais, isto é chato também.

Pulsar Raider está aqui para resolver chatices e proporcionar uma boa luta 2D de naves espaciais. Em curtos encontros cheios de acção e caos podes aferir as tuas habilidades de piloto perante um “amigo” teu.

Descobrirás logo de seguida como é prejudicial à saúde de uma nave espacial esbarrar de fronha em algo. Perguntarás também como é que o teu adversário conseguiu colocar aquele calhau ali mesmo à tua frente de propósito mesmo isso sendo impossível (cheater)…

Last Stand – De lado

laststandDe tempos a tempos, das profundezas das caves que proliferam nas cidades pejadas de entidades às quais chamamos de pessoas, surgem obras-primas da programação, autênticas Monas Lisas que nos olham de diferentes direcções como que a convidar-nos para participar numa conversa que envolva chás de camomila.

Last Stand é tudo menos um chá de camomila. Muito provavelmente ficará nos anais do olimpo como um dos melhores space shooters de sempre. Ao longo do jogo enfrentamos não 1, nem 2, mas sim 3 tipos de inimigos diferentes, ou seja não andamos com a cabeça à roda a tentar distinguir um inimigo de um manjerico ou de um opel e não haver powerups, é muito bom, pois focamo-nos no que interessa… destruir! Ao jogarmos este jogo, sabemos que estamos a jogar uma obra prima, sabemos que estamos a mexer em arte.

Sem dúvida alguma, um grande jogo a reter!
lsscreen003

%d bloggers like this: